A Medic Clean Air aconselha onde utilizar os produtos

Os dispositivos da MedicCleanAir® têm capacidade para gerar um ambiente de ar limpo de qualidade ISO 8 (classe D), ISO 7 (classe C), e por vezes até ISO 6, dependendo do isolamento

Dependendo do tipo de quarto (para pacientes infecciosos, imunocomprometidos, laboratórios, salas de operação, UTIs, etc.) os dispositivos serão instalados próximo do paciente ou em frente à cama do paciente. Pressão negativa (pacientes com doenças infecciosas) ou positiva (imunocomprometidos, salas de operação) no interior do quarto em comparação com as áreas adjacentes pode ser necessária.

Os dispositivos MedicCleanAir® também podem ser utilizados como medida preventiva contra surtos de aspergilose causados por obras de renovação e construção.

Para cada situação, a MedicCleanAir® oferece-lhe uma solução. Consulte o aconselhamento seguinte ou entre em contato direto conosco.

Exemplos

Ambiente Hospitalar

Infecções Transportadas pelo ar

Informações
O aumento da poluição atmosférica combinado com o aumento do número de pacientes com deficiências do sistema imune tem se tornado um problema sério dentro do ambiente hospitalar.
As conseqüências das infecções transmitidas pelo ar, tanto em termos de vidas humanas e os custos financeiros, são de grande porte.
Consequentemente, há uma necessidade geral de assegurar que o ar no ambiente hospitalar - em todas as partes da instalação - é da mais alta qualidade possível.

Um controle médico do ar é a única solução confiável. Este controle deve preencher o requisito mais importante: tem que ser completo - toda a contaminação deve ser eliminada.

Não purificar totalmente o ar não faz sentido.

Esta ilustração mostra a importância de eliminar toda a contaminação do ar.

Hospital Environment

O ar é o maior "transportador" de infecções e as infecções transmitidas pela contaminação do ar não têm limites nem fronteiras.
Existe um grande número de fontes potenciais de infecção; desde ar exterior até sistemas de ventilação defeituosos, materiais de construção, e pessoas (funcionários, visitantes ou pacientes).

Um fato importante
Um fato importante é que a maioria das infecções transmitidas pelo ar se desenvolvem no interior do hospital.

Instalação
O dispositivo tem que ser colocado numa prateleira a mínimo 2/3 da altura da parede. Para pacientes imunocomprometidos, o dispositivo é instalado em frente à cama, e para pacientes com doenças infecciosas, ao lado da cama. A manutenção deverá ser efetuada entre 12 a 18 meses após instalação. Todos os dispositivos da MedicCleanAir® são equipados com um alarme que informa quando o cartucho de filtragem necessita ser renovado.

Os dispositivos MedicCleanAir® também são instalados na parte exterior dos quartos dos pacientes para desinfetar fontes de contaminação do ar nas áreas circundantes tais como a entrada de serviço e o corredor. (Veja também: FAQ – Instalação dos dispositivos portáteis MedicCleanAir® HEPA)

Quartos de Isolamento

Quartos de Isolamento: o conceito ISO da MedicCleanAir®

Através dos nossos contatos internacionais, percebemos que havia uma necessidade crescente de isolamento nos quartos de hospital.

O conceito ISO da MedicCleanAir® cria quartos de isolamento com diferença de pressão (positiva ou negativa) + qualidade de ar superior em menos de ½ dia e por menos de 9.000€.

Conselho da MedicCleanAir®
Utilize o dispositivo de purificação do ar PRO 110 da MedicCleanAir® para uma qualidade de ar superior dentro do quarto, e utilize a série ISO 100 ou ISO 200 da MedicCleanAir® para criar pressão diferencial.

Em que tipos de quartos de isolamento se pode utilizar

  1. Quartos de isolamento para proteger pacientes imunocomprometidos portadores de infecções (p. ex. neonatologia, TMO, oncologia, etc. CDC: A. P. Ambiente Protetor
  2. Quartos de isolamento para proteger as pessoas a áreas contra pacientes infecciosos (p. ex. Tuberculose, Sars, Gripe aviária, Varíola,...) CDC: A I I Isolamento contra infecções transportadas pelo ar

Informação

1. Proteja o paciente - AP - Quartos com pressão positiva
Alguna pacientes são extremamente vulneráveis às infecções, como p. ex. Aspergilose Invasiva (A.I.) A incidência de A.I. em várias populações de pacientes é considerável, como foi provado por diversos estudos médicos.
Os pacientes submetidos a transplante pulmonar, transplante de medula óssea alogênico ou que sofrem de Leucemia aguda, etc, são populações de risco mais importantes.
O risco de infecções pode ser reduzido consideravelmente quando um paciente se encontra num ambiente com ar limpo e está protegido, através de pressão positiva, contra contaminações do ar das áreas adjacentes.

2. Proteja o ambiente - AII - Quartos com pressão negativa
Um número crescente de pacientes constitui uma ameaça para os que os rodeiam, devido à infecção que transportam.
Pacientes infectados com SARS ou Tuberculose Multirresistente devem ser colocados numa área isolada com todas as precauções necessárias.

Um número considerável de hospitais não tem verbas suficientes e/ou estas não proporcionam as condições necessárias.
Planos para melhorar a situação atual são frequentemente bloqueados pelo orçamento exigido e/ ou as conseqüências que as obras de reconstrução acarretam, como por exemplo a necessidade de encerrar departamentos.

O conceito ISO da MedicCleanAir® oferece uma alternativa que torna possível para todos os hospitais de criar quartos de isolamento de modo profissional. Possibilidade de criar pressão negativa ou positiva em qualquer quarto de hospital, dentro de ½ dia de trabalho.

 

A diferença entre o fluxo do ar e a pressão diferencial

O fluxo do ar é a direção em que este último circula.
Num quarto com pressão negativa, a direção do fluxo de ar é do exterior do quarto para o interior do quarto.
Num quarto com pressão positiva, a direção do fluxo de ar é do interior do quarto para o exterior do quarto.
Quanto mais ar for extraído do quarto ou bombeado para o interior do mesmo, mais forte será o fluxo de ar.

Diferença de pressão entre um quarto e a área adjacente.
A diferença de pressão é criada quando há extração de ar (negativa) ou fornecimento de ar (positiva) para o interior de um quarto bem selado. Se o quarto apresentar aberturas, grelhas, ar condicionado, janelas mal vedadas, portas mal vedadas, é impossível criar diferença de pressão. Mesmo com grandes quantidades de ar (extração ou fornecimento), não se poderá obter qualquer pressão diferencial. O único resultado, é que o fluxo de ar vai aumentar.

Conclusão:
A quantidade de pressão diferencial que se pode obter depende da vedação do quarto. Todas as aberturas têm que estar vedadas antes de se poder estabelecer qualquer pressão diferencial. Quando não for obtida pressão diferencial, isto não significa que o quarto não se encontra devidamente isolado. Se o fluxo de ar estiver correto, é o mais importante.

Por favor entre em contato com a MedicCleanAir® para uma proposta sob medida.

UTI/ Oncologia etc.

UTI – Oncologia – Neonatologia – Transplantes

Conselho da MedicCleanAir®
Utilize o purificador de ar MedicCleanAir®- PRO 110 + (opcional) a série MedicCleanAir®-ISO 100 ou 200 (para criar pressão positiva no quarto)

Referência
Universidade de Gênova – Hospital S. Croce e Carle, Cuneo – Itália
Transplante de Medula Óssea (2002)
2 anos de estudo triparamétrico
Resultados e conclusões: A MedicCleanAir® reduz UFCs até ao nível ZERO, evitando desta forma novas ocorrências de infecções desde a primeira utilização.

Para mais informações veja os estudos médicos / referências ou contate-nos diretamente

Sala de Operação

Sala de operação – cirurgia com hospitalização de um dia

Conselho da MedicCleanAir®
Utilize os dispositivos da série MedicCleanAir®-PRO 100: 2 dispositivos + (opcional) série MedicCleanAir®-ISO 100 ou ISO 200 (para criar pressão positiva)

Melhora instantânea da qualidade do ar na sala de operação a baixo custo e sem esforço nem obras.
A MedicCleanAir® proporciona-lhe uma sala de operação de classe ISO 8, ISO 7 ou mesmo ISO 6 em apenas 1 dia de trabalho

Referência
Estudo científico – Universidade de Liège – Sart Tilman – Hospital de Bruyères – sala de operação – Resultados com os dispositivos MedicCleanAir®:

  • Contagem de partículas de 8.297.495/m3 até 112.190/m3 (99% de redução)
  • Contagem de UFCS: redução de 31 UFC até 0 UFC (100% de eficácia)
  • A sala de operação foi (sem serem necessárias medidas ou mudanças adicionais aos dispositivos MedicCleanAir®) reclassificado para classe ISO 7.

Para mais informações veja os estudos médicos / referências ou contate-nos diretamente

Tuberculose, SARS etc.

Tuberculose, SARS, Gripe Aviária e Purificação do Ar

Conselho da MedicCleanAir®
Utilize o dispositivo MedicCleanAir®-PRO 110 + MedicCleanAir®- série ISO 100 ou ISO 200 (quarto com pressão negativa)

Referência
Hospital Universitário St. Pierre – Bruxelas & Instituto Pasteur – Lille
O hospital foi designado pelo governo Belga como centro de referência para a Bélgica em caso de epidemia.
Após avaliação por parte do Instituto Pasteur, os dispositivos MedicCleanAir® foram instalados em todos os quartos de isolamento (especialmente utilizados para casos de tuberculose)

Para mais informações veja os estudos médicos / referências ou contate-nos diretamente

Asperg. relacion. c. obras

Construções e renovações nos hospitais

Podem causar severas concentrações de aspergilose que podem infectar ou mesmo causar a morte de pacientes imunocomprometidos.

Conselho da MedicCleanAir®
A unidade de purificação do ar PRO 110 da MedicCleanAir® + pré-filtros (=filtros na parte externa da unidade / entrada do ar)

Resultado comprovado: redução superior a 97% de concentrações de UFC [Unidades Formadoras de Colônias]
(Mahieu LM, De Dooy JJ, Van Laer FA, Jansens H, Ieven MM. - Journal of Hospital Infection 2000;45:191-197)

 

Pacientes de SARM

Pacientes de SARM em hospitais

Conselho da MedicCleanAir®
Utilize o dispositivo MedicCleanAir®-PRO 110 + (opcional) MedicCleanAir®- série ISO 100 ou ISO 200 (pressão diferencial)

Informação
Embora a SARM seja transferida essencialmente por contato direto, constatou-se que as partículas de MRSA são encontradas em superfícies que não foram tocadas por pessoas. Isso significa que o ar deve ter sido o transportador destas partículas.
Ao implementar unidades MedicCleanAir®, os casos em que os pacientes são infectados por contato com superfícies contaminadas, são drasticamente reduzidos.
Além disso, a maioria dos pacientes de SARM também são imunocomprometidos. Com os dispositivos MedicCleanAir®, a qualidade do ar no interior do quarto é melhorada e o paciente é protegido da melhor forma possível contra infecções transportadas pelo ar.

Para mais informações, veja os estudos médicos ou contate-nos diretamente

Serviço de Urgência

Serviços de Urgência – Segurança geral para funcionários do serviço de saúde

O risco de que a equipe do hospital seja infectada p. ex. com tuberculose, é maior nos departamentos gerais (não isolados) do que em departamentos especiais (quartos de isolamento).
Exemplos desses departamentos gerais de alto risco são, por exemplo, os serviços de urgência.

Conselho da MedicCleanAir®
utilize os dispositivos MedicCleanAir®-PRO 110

Referência
Hospital Universitário St Pierre – Bruxelas, ZNA – Hospitais – Antuérpia –,
Hospital Universitário – Gent

Para mais informações veja os estudos médicos / referências ou contate-nos diretamente

Laboratórios, etc.

Laboratórios – FIV – Citostática – Farmácia – Patologia

Conselho da MedicCleanAir®
Utilize os dispositivos da MedicCleanAir® com filtro adaptado quando necessário + MedicCleanAir® séries ISO 100 ou ISO 200 para criar pressão diferencial

A formação, difusão e inalação de partículas é um problema bem conhecido nos laboratórios.

Os aerossóis infecciosos podem ser divididos em 2 grupos:

  • partículas (incluindo gotas)
  • agentes tóxicos (componentes ou gases químicos)

Os nossos cartuchos fabricados especialmente contêm uma quantidade considerável de carvão ativado e reduzem as concentrações de gás e partículas nos laboratórios.

Dependendo do tipo de laboratório, este último pode necessitar pressão negativa (citoestática - farmácia - patologia) ou positiva (laboratório IVF).

A MedicCleanAir® proporciona-lhe uma transformação do seu laboratório para classe ISO 8, ISO 7 ou até ISO 6 dentro de um dia de trabalho.

Hospitais Itinerantes

Hospitais Itinerantes – Surtos de doenças e catástrofes naturais

Está claro que em caso de guerra, existem mais vítimas necessitando de tratamento do que quando não há guerra. Os agentes biológicos e químicos contribuem para esta situação.
O mesmo se aplica às catástrofes naturais tais como terremotos, inundações, erupções vulcânicas, etc.
Os hospitais itinerantes (tendas ou contêineres) são flexíveis e nos dias de hoje encontram-se muito bem equipados, com exceção da qualidade do ar nas áreas de tratamento intensivo.
Ar puro e diferença de pressão (positiva ou negativa) são necessários e podem ser adquiridos de forma fácil graças aos dispositivos compactos e portáteis da MedicCleanAir®.

Conselho da MedicCleanAir®
Utilize o dispositivo de purificação do ar PRO 110 da MedicCleanAir® para uma qualidade de ar superior, e utilize a série ISO 100 ou ISO 200 para criar pressão diferencial.